Fale conosco pelo WhatsApp

Reação acrossômica

Principais Dúvidas

O teste de reação acrossômica avalia a taxa de espermatozoides com acrossoma intacto. São utilizados marcadores fluorescentes que se ligam ao acrossoma, permitindo a visualização das enzimas.

Este teste deve ser realizado em homens que desejam gravidez, com histórico de infertilidade ou ainda que planejam realizar inseminação intrauterina e fertilização in vitro clássica.


Acrossoma intacto

Acrossoma liberado precocemente (reação acrossômica)

Altas taxas de reação acrossômica indicam que os espermatozoides liberaram as enzimas do acrossoma precocemente, tornando-os incapazes de penetrar nas camadas de células que envolvem o oócito.

Baixas taxas de reação acrossômica são associadas com maior potencial de fertilização.

  • Auxilia na escolha do método de reprodução assistida a ser utilizado (inseminação intrauterina, FIV clássica ou FIV/ICSI);
  • Ajuda na identificação de falhas em tratamentos anteriores;
  • Determina o tratamento clínico do homem ou melhoras laboratoriais realizadas no sêmen.

Referências bibliográficas:
Liu et al. The proportion of human sperm with poor morphology but normal intact acrosomes detected with pisum sativum agglutinin correlates with fertilization in vitro. Fertil Steril 1988, p. 288-293.

Christopher DJ. Biological basis for human capacitation-revisited. H Reprod Update 2017; 23(3): 289–299.

Ranéa C et al. Sperm motility quality in asthenozoospermic samples during prolonged in vitro incubation under anaerobic conditions. Andrology (Suppl): 90-90.

Pariz e Hallak. Effects of caffeine supplementation in post-thaw human semen over different incubation periods. Andrologia 2016; 48(9):961-966.